Reino Unido apresentará uma nova meta de hidrogênio para as redes de gás

O governo do Reino Unido deve apresentar uma nova meta de hidrogênio para que as redes de gás da Grã-Bretanha comecem a transformar os objetivos de inserção do hidrogênio do país em realidade. Publicado pela Cadent como parte do programa Gas Goes Green da Energy Networks Association (ENA), o relatório da Frontier Economics define as mudanças que precisam ser realizadas para que as empresas britânicas de redes de gás comecem a misturar grandes quantidades de hidrogênio limpo com gás metano de origem fóssil. As empresas, que possuem 284.000km de gasodutos, até o momento aceitaram misturar apenas 0,1% do gás. Acredita-se que a ação pode estimular a produção e impulsionar investimentos na economia de hidrogênio(Power Engineering International – 22.09.2020).

Para ver a matéria completa, clique aqui